quinta-feira, 1 de março de 2012

EXCLUSIVO - Mulher com problemas mentais é vítima de estupro em Belém-PB. Acusado está preso.

A polícia registrou na manhã desta quinta-feira (01) um estupro na cidade de Belém-PB.  A denúncia foi feita pelo pai da vítima, o agricultor Francisco Xavier da Silva, de 67 anos.

Seu Francisco relatou que foi deixar o café da filha que, por problemas mentais e ser agressiva, reside sozinha na Quadra L, quando foi informado pela filha que havia um homem no interior da residência. Seu Francisco entrou na casa e encontrou o acusado sem roupa dentro do banheiro.

O pai retirou a filha da casa e procurou a polícia. CB C. Aberto e os policiais PM Assis e PM Gustavo, foram rápidos na diligência e prenderam o acusado há poucos metros da residência da vítima.

Marcelino Batista Alves, “O Marcelo Pirata”, 35 anos, residente na Rua Dep. Antônio Dávila Lins, confessou ter passado a noite com a vítima e ter mantido relações sexuais por três vezes, mas disse que tudo foi concedido pela vítima. Acrescentou ainda que não sabia que a mulher tinha problemas mentais.

Para o Delegado Dr. Formiga, titular de Belém, independentemente da aprovação ou não da vítima, o caso é caracterizado como estupro presumível, considerando o estado mental da vítima. Marcelo Pirata deve ser enquadrado no Art. 217-A. - Ter conjunção carnal ou praticar outro ato libidinoso com menor de 14 (catorze) anos. Incorre na mesma pena quem pratica as ações descritas no caput com alguém que, por enfermidade ou deficiência mental, não tem o necessário discernimento para a prática do ato, ou que, por qualquer outra causa, não pode oferecer resistência.

A mulher de iniciais M.D.X.S, de 36 anos, foi encaminhada para passar pelo exame de conjunção carnal para a comprovação do ato sexual.

Marcelo Pirata já cumpriu dois anos de detenção por tentativa de homicídio e é suspeito de alguns furtos na cidade de Belém-PB. O acusado deverá ser encaminhado para a Cadeia Pública de Belém.

Por Júnior Campos
Postar um comentário