quinta-feira, 8 de março de 2012

TACIMA-PB. Dr. Pedro volta a firmar que é um dos pré-candidatos da oposição

Dr.  Pedro ao lado da Michele Marques
Em entrevista concedida a Talismã FM (99,3) nesta quarta-feira (07) o atual vice-prefeito do município de Tacima, Dr. Pedro (PSDB) reafirmou ser o pré-candidato da oposição, ou pelo menos, ser mais um, já que Xató (PSB) também está na disputa, podendo inclusive, ser futuramente, os candidatos da oposição. Cada qual no seu quadrado.

Dr. Pedro voltou a falar sobre sua saída da base aliada do prefeito Dr. Targino Pereira. Lembrou que o motivo principal foi a falta de força neste último governo. O tucano alega que não foi visto neste governo municipal e que por isso entendeu que o grupo não precisava do seu apoio.

O vice-prefeito que, agora busca a cadeira principal do executivo, rebateu algumas críticas de eleitores do município que, questionaram o fato do Doutor residir em João Pessoa-PB. Para equilibrar a discussão, o prefeitável recebeu apoio de outros eleitores que lembraram as tantas vezes que são assistidos na capital pelo Doutor.

Para justificar, o vereador Gileno, um dos quatro vereadores que integram o projeto liderado por Dr. Pedro e Mazinho, frisou os 40 anos que o atual prefeito do município viveu afastado de Tacima e que isso não o impediu de retornar ao executivo do município.

Dr. Pedro falou sobre o acordo existente entre as oposições; a bendita ou maldita pesquisa. É ela que deve definir o rumo das oposições, se é que vai conseguir alterar alguma coisa. O tucano disse lamentar que o Deputado Edmilson Soares, articulador dessa junção, tenha tido acesso à pesquisa, quando o acordo não previa isso. O fato é que se teve acesso ou não a pesquisa, os números não foram revelados para todos os interessados.

Em breve será realizada uma nova pesquisa que vai por fim a discussão, podendo ou não, gerar um novo cenário político no município. Eu prefeito acreditar que permanecerá do jeito que está.

Dr. Pedro esteve acompanhado dos vereadores Ailton Alves, Dedeca, Gileno e Luiz Bernardo, além de outras lideranças políticas do seu grupo.

Por Júnior Campos
Postar um comentário