domingo, 5 de fevereiro de 2012

Polícias da PB e do RN recapturam foragido de alcaçuz em Marí-PB.

Uma ação integrada entre as polícias militares do Rio Grande do Norte e da Paraíba resultou na prisão de um dos fugitivos da penitenciária de Alcaçuz. José Rodrigo da Silva, de aproximadamente 28 anos, foi preso na madrugada deste domingo (05) no bairro Pasto Novo, em Marí-PB.

Com o acusado a polícia apreendeu um revolver calibre 32, com duas munições intactas e três deflagradas, três grandes pedras de crack, um celular sem chip, duas facas peixeiras e aproximadamente quinhentos reais em espécie.

A polícia chegou a Rodrigo, após o criminoso cometer uma série de assaltos na zona rural de Santa Cruz-RN. Entre os dias 27 e 29 de Janeiro, o fugitivo, em parceria com outro fugitivo, possivelmente Marcos Antônio de Lima, tomaram por assalto duas motos e uma pistola.

A primeira moto foi tomada de um moto taxista que foi violentamente agredido, juntamente com o passageiro. Cerca de dois dias depois, a dupla de criminosos cercou um Sargento da PMRN em uma estrada vicinal, na zona rural de Santa Cruz e tomou por assalto a moto Titan, ano 1996, de cor verde, de placas MXU-8161-RN. Além da moto os criminosos levaram uma Pistola Taurus, PT 58, HC Plus - Calibre 380 - Inox, kvj77994, pertencente ao SGT. A motocicleta foi localizada no dia  seguinte, abandonada por trás de um motel na cidade de  Santa Cruz-RN

“A partir destas ações, nós passamos a monitorar os passos da dupla e recentemente fomos informados que estariam se deslocando para João Pessoa, na Paraíba.” Contou o Capitão Luiz Carlos, comandante do 5º Distrito de Policiamento Rodoviário Estadual, sediado em Nova Cruz-RN.

Outro ponto importante que ajudou o Capitão e, mais seis policiais do 5º DPRE, chegarem até o acusado, foi o encontro de um corpo de um homem aparentando entre 25 e 30 anos que, foi encontrado na zona rural do município de Mari, na Zona da Mata paraibana. O homem foi identificado pela polícia do RN como sendo Marcos Antônio de Lima, fugitivo de Alcaçuz.

Em contato por telefone, as polícias da PB com as do RN, conseguiram as informações que precisavam e na madrugada deste domingo fecharam o cerco para prender o fugitivo, Rodrigo.

Não foi uma simples prisão. Rodrigo estava escondido em uma residência no movimentado Bairro Pasto Novo, área periférica da cidade. Para facilitar o trabalho da polícia, moradores foram orientados a deixarem suas casas e se refugiarem em outro ponto. 

Por volta da 01h00 da madrugada o cerco foi fechado e a ordem de prisão foi anunciada. Rodrigo não se rendeu. Conseguiu sair da casa onde estava e empreendeu fuga por quintais de outras residências. O acusado se refugiou em alguns quintais, investiu contra a polícia, efetuou disparos e só foi preso, quase três horas depois. Ninguém ficou ferido.

Rodrigo está sendo apontado como o autor do assassinato de Marcos Antônio de Lima, com quem conviveu desde que fugiram de Alcaçuz.  Marcos Antônio morava em Bom Jesus-RN e José Rodrigo da Silva, em Sítio Novo, também no RN.

Rodrigo se refugiou em Marí por ter familiares na cidade. De acordo com informações da polícia, a família chegou a desejar que o fugitivo tivesse sido morto durante a prisão. Há informações de que Rodrigo é um criminoso violento, frio e calculista.

Para a polícia Rodrigo disse que era inocente; que não matou seu parceiro e que não sabia da pistola roubada do SGT.

O fugitivo foi levado para a cadeia de Sapé e deve responder pelos crimes de porte ilegal de arma, resistência a prisão e por homicídio.

Participaram da prisão, policiais do 5º DPRE/Nova Cruz-RN, da 4 ª Companhia Independente de  Santa Cruz-RN, Força Tática de Sapé-PB, policias do destacamento local, sob o comando do Tenente Souto e  militares do 4º BPM-PB, sob o comando do Tenente  Leite.

Material apreendido


Sobre a fuga de Alcaçuz, click aqui.

Por   Júnior Campos
Postar um comentário