terça-feira, 28 de fevereiro de 2012

Polícia prende acusado de abusar sexualmente de enteada de 12 anos no curimataú paraibano

Uma ligação anônima através do linha direta,  – (83) 9124-5072 –, fez com que a polícia da 2ª Cia. de Polícia Militar, sediada em Solânea, brejo paraibano, chegasse a Alberto Pereira da Silva, conhecido como Beto. O homem está sendo acusado de abusar sexualmente sua enteada, de apenas 12 anos de idade.

Após a denúncia, a polícia localizou o acusado em uma residência na Rua Hermengildo José de Farias, no Centro da cidade de Solânea. O homem estava na casa de uma amiga.

O caso de abuso sexual foi registrado no final da semana passada na cidade de Cacimba de Dentro, curimataú paraibano.

Beto negou toda a acusação. Disse não saber o porquê da denúncia e que fugiu porque temeu ser preso inocentemente. Beto lembrou que no passado foi preso acusado de estuprar e matar uma mulher com quem conviveu. “Fiquei preso e só fui solto porque minha mulher, na época, veio até Cacimba de Dentro para desmentir a acusação e mostrar que  estava viva.” Relembrou o acusado.

Questionado sobre a camisinha encontrado  no banheiro da casa, Beto disse que não sabe de nada, acredita que tudo foi montado. Acrescentou que nunca assediou a menor e que jamais seria capaz de abusar sexualmente da menina. Disse que sempre a tratou como filha e lembrou-se de uma filha que tem de outro casamento com 16 anos. “Eu tenho uma filha com 16 anos, como seria capaz de abusar desta criança.” Afirmou.

Beto disse que será provada sua inocência. O acusado foi conduzido para a delegacia de Cacimba de Dentro onde foi ouvido pelo Delegado Dr. Hilamilton e deve  ficar a disposição da justiça  na cadeia de Araruna-PB.


Por Júnior Campos
Postar um comentário