quinta-feira, 10 de março de 2011

PB - Acidentes de motos lideram atendimentos nos hospitais de Trauma da Capital e de CG

Mais de 700 pessoas foram atendidas no Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa no período de Carnaval – desde a madrugada do sábado (5) até as primeiras horas da manhã desta quarta-feira (9). Em Campina Grande, o setor de emergência do Hospital Regional registrou o atendimento a 1.176 pacientes. Nas duas unidades, os acidentes de moto provocaram o maior número de vítimas.

Segundo boletim divulgado pelo Hospital de Emergência e Trauma da Capital, durante o período carnavalesco foram atendidas 708 pessoas, entre urgências (casos clínicos: dor de cabeça, febre, hipertensão, etc.) e emergências. Desse total, 15 foram vítimas de arma de fogo, 26 sofreram agressões físicas, 12 apresentaram queimaduras, seis se acidentaram com bicicleta, 22 foram vítimas de atropelamento, 12 se feriram em acidentes de automóvel, 11 foram feridas por arma branca e 102 acidentados de moto.
 
Já o setor de arquivo médico e estatístico do Hospital Regional de Emergência e Trauma de Campina Grande computou o atendimento a 1.176 pacientes no setor de emergência, com uma média diária de 350 consultas. A exemplo da Capital, os acidentes de moto fizeram o maior número de vítimas: 136.

Também foram registrados atendimentos a nove pacientes vítimas de acidente de automóvel, oito de arma de fogo, oito de queimaduras, cinco atropelamentos e cinco de arma branca.

Com Secom-PB
Postar um comentário