terça-feira, 22 de março de 2011

Governo brasileiro defende fim dos ataques na Líbia


BRASÍLIA - Conforme o esperado, o Ministério das Relações Exteriores divulgou nesta segunda-feira nota em que defende o fim dos ataques aéreos na Líbia e das hostilidades no país. No documento, o governo brasileiro manifesta expectativa de um "cessar-fogo efetivo no mais breve possível, capaz de garantir a proteção da população civil".

Na nota, o Itamaraty reintera solidariedade ao povo líbio e também reafirma apoio aos aos esforços do "Enviado Especial do Secretário-Geral da ONU para a Líbia, Abdelilah Al Khatib, e do Comitê ad hoc de Alto Nível estabelecido pela União Africana na busca de solução negociada e duradoura para a crise."

Leia a nota na íntegra:

"Ao lamentar a perda de vidas decorrente do conflito no país, o Governo brasileiro manifesta expectativa de que seja implementado um cessar-fogo efetivo no mais breve prazo possível, capaz de garantir a proteção da população civil, e criar condições para o encaminhamento da crise pelo diálogo.
 
O Brasil reitera sua solidariedade com o povo líbio na busca de uma maior participação na definição do futuro político do país, em ambiente de proteção dos direitos humanos.
 
O Governo brasileiro reafirma seu apoio aos esforços do Enviado Especial do Secretário-Geral da ONU para a Líbia, Abdelilah Al Khatib, e do Comitê ad hoc de Alto Nível estabelecido pela União Africana na busca de solução negociada e duradoura para a crise."

Com Agência Globo
Postar um comentário