segunda-feira, 2 de maio de 2011

UEPB começa projeto de música com crianças da comunidade Guabiraba e almeja compor uma orquestra

A UEPB começou no último sábado (30) a execução do projeto "Crianças de Guabiraba: Sonhos da Paraíba", que prevê um Curso de Música direcionado aos meninos e meninas daquela comunidade desfavorecida do ponto de vista financeiro. A primeira aula contou com a participação de familiares dos estudantes e mais de 40 crianças e adolescentes.

Coordenada pelo professor Vladimir Silva, da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), convidado pela UEPB para desenvolver o projeto, a atividade foi sediada na Capela Nossa Senhora das Graças, com o objetivo de oferecer práticas artístico-culturais aos participantes, estimulando-lhes o gosto pela música.

Dado o sucesso e entusiasmo observado na primeira aula, o desejo dos que compõe a comissão organizadora é que posteriormente seja composta uma orquestra. Também participaram da ocasião dois alunos do curso de Música da UFCG, um violonista e uma cantora.

O caráter de uma atividade de formação humanística foi ressaltado por todos os integrantes da equipe e observando o desempenho dos filhos, os pais presentes à atividade agradeceram à oportunidade concedida.

A intenção do Curso é beneficiar cerca de 50 crianças e também adolescentes, que tomarão parte em várias atividades musicais, incluindo aulas de flauta doce e canto coral. A prática enfatiza o compromisso da UEPB de promover a emancipação humana por meio da cultura e o desejo da Instituição de implantar projetos semelhantes em todo o estado.

Guabiraba era ocupada por trabalhadores sem-terra que receberam um lote de indenização e lá se instalaram desempenhando em sua maioria a mão de obra livre, sendo as mulheres, o mais das vezes, como empregadas domésticas e os homens como pedreiros. A comunidade situa-se especificamente logo após a Manzuá, na saída para Lagoa Seca.

Com UEPB
Postar um comentário