quarta-feira, 25 de maio de 2011

Depois da dor, a alegria. Nasce Ana Lívia.

Ana Lívia nasceu na manhã desta quarta-feira (25), em Campina Grande-PB, mas até o seu nascimento, sua mãe, Lupércia, de 20 anos, passou por um verdadeiro ‘aperreio’.

O caso

Na tarde desta terça-feira (24) Lupércia Costa Alves, de 20 anos, residente na Travessa José Américo, no Bairro do Nordeste I, em Guarabira, chegou ao Hospital de Regional de Guarabira com fortes dores. A jovem, com mais de nove meses de gestação, apresentou uma ultracenografia que, foi rejeitada pela médica que atenderá.

“A médica que não aceitava aquela ultra. Mandou nós irmos para casa e retornar na quarta.” Declarou emocionada, Dona Luzia, sogra de Lupércia.

Desesperada e perdendo líquido, a jovem retornou para casa. A denúncia foi parar na Rádio Cultura, com o radialista Rudiney Araújo que, sensibilizado pelo caso, iniciou uma campanha com o objetivo de também, sensibilizar a direção do HR para a realização do parto da jovem.

Usando do espaço, o Diretor do HR, Dr. Manoel Édson, de forma crítica e irônica, questionou se o radialista era Médico (ato infeliz) e, de forma clara defendeu o posicionamento da médica. A participação do Médico deixou ainda mais a população revoltada.
 
Sensibilizado com o caso, o Dr. Téo, de Alagoa Grande-PB, ofereceu o hospital daquele município para a realização do parto da Lupércia. De forma rápida um ouvinte, Nêgo de Sansão, ofereceu o transporte para levá-la até à cidade de Alagoa Grande.

A jovem deu entrada no hospital daquele município e de imediato foi encaminhada para Campina Grande-PB, com muita perca de líquido.

Lupércia passou por uma cirurgia cesariana e teve seu bebê na manhã desta quarta-feira (25).

A criança e a mãe passam bem. O nome da menina é Ana Lívia.

Saiba o que significa o nome Ana Lívia.

Ana: significa cheia de graça e predispões a criança a se tornar muito segura, graças à sua boa organização mental. Sua intuição lhe garante boas escolhas nos estudos, na profissão e no amor, Do hebreu "cheia de graça", "que tem compaixão, clemência".


Lívia: pálida, lívida

Do mago

Parabenizo a equipe da Rádio Cultura de Guarabira por comprar a briga e resolver o problema; no mesmo instante em que lamento o posicionamento do senhor Dr. Manoel Édson, pela forma irônica e crítica com a qual tratou o profissional, competente, Rudney Araújo.


Por Júnior Campos
Postar um comentário