segunda-feira, 22 de outubro de 2012

PARAÍBA - Cagepa anuncia racionamento em 5 municípios no Brejo a partir de terça

A Cagepa, Gerência Regional do Brejo, anunciou que vai iniciar a partir da próxima terça-feira (23), um regime de racionamento em alguns municípios da região do Brejo para evitar colapso no abastecimento. A decisão foi tomada em reunião de técnicos da gerência de controle operacional e de operação e manutenção da empresa.

As localidades de Rua Nova, Caiçara e Logradouro, abastecidas pelo manancial de Lagoa do Matias, sofrerão racionamento a partir da próxima terça-feira (23), às 7h, voltando o abastecimento somente na sexta-feira, às 7 horas da manhã. O sistema de quatro dias com abastecimento e três dias sem o abastecimento, sempre das 7h da terça até às 7 horas da manhã da sexta-feira, irá perdurar até que o volume de água aumente com a chegada do período invernoso.

A capacidade de armazenamento da Lagoa do Matias é de 1.239,883 metros cúbicos de água e atualmente está com apenas 41% de sua capacidade, em situação de alerta. Estudos feitos apontam que sem o racionamento a água existente só daria para abastecer as localidades até o início de janeiro do próximo ano; com o racionamento a previsão é que a água possa abastecer às comunidades até o começo de março do próximo ano.

As comunidades rurais de Cachoeirinha e Braga vão ter um racionamento mais rigoroso. Nessas localidades a Cagepa anunciou que só terá água um dia da semana, na quarta-feira, durante 24 horas.

Os municípios de Bananeiras, Solânea e Cacimba de Dentro, abastecidos pelo manancial de Canafístula II, ficarão nos finais de semana sem água. O racionamento nessas localidades terá início no próximo dia 27 de outubro. Vai faltar água sempre às 18h do sábado e o abastecimento só voltará na segunda-feira, às 18 horas. O sistema de racionamento nessas cidades persiste até que tenha início o período chuvoso e o manancial acumule água suficiente. Canafístula II possui capacidade de armazenamento de 4.102.626 metros cúbicos de água e atualmente está com apenas 39% de sua capacidade. Estudos feitos pelos técnicos da Cagepa revelam que se o racionamento não fosse feito a água só daria para abastecer os municípios até o dia 26 de janeiro do próximo ano e com o racionamento a água é suficiente para abastecer até o começo de março de 2013.

A gerente regional, Eulina Dantas Bezerra, disse que o racionamento será implementado para evitar colapso no abastecimento. “Tivemos um ano com chuvas abaixo do esperado e alguns reservatórios estão com capacidade limitada. Nessa época do ano o consumo aumenta consideravelmente e se não tivéssemos adotado essa medida é provável que até o final do ano alguns municípios ficassem sem abastecimento”, explicou Eulina.

A gerente da Cagepa também apelou para que a população faça o uso racional da água, evitando desperdício como lavar calçadas, carro ou deixar o chuveiro ligado por muito tempo durante o banho. “É possível economizar água tomando cuidados simples no dia a dia como prestar atenção se a torneira está pingando, não fazer a barba com a torneira ligada e procurar gastar menos água na hora de lavar roupas e a louça”, disse Eulina.

 Com Assessoria
Postar um comentário