quarta-feira, 20 de março de 2013

TACIMA-PB. Acusado de matar um e alvejar três, em Belém, se entregou a polícia.


José Ferreira Júnior da Silva, de 22 anos, se entregou à polícia nas primeiras horas da manhã desta quarta-feira (20). O acusado estava em Cachoeirinha, município de Tacima, no curimataú paraibano e exigiu a presença da imprensa para garantir sua segurança.

Priquitinho, como é mais conhecido o jovem assassino, estava foragido desde a noite do sábado (16), quando efetuou vários disparos de arma de fogo em via pública. O saldo foi de um homem morto e três jovens feridos. 

O acusado disse a nossa reportagem que só resolveu se entregar porque tirou a vida de um amigo que não tinha nada a ver com o acerto de contas. O alvo do criminoso seria o jovem identificado como Neguinho, mas João foi atingido por um único disparo e veio a óbito.

Priquitinho relatou que antes do ocorrido, tinha conversado com a vítima e tinha sido alertado por ela, a deixar o local; em virtude da presença de inimigos do acusado que estavam no ali. “Quando ele (João) me disse isso, aí eu vi neguinho e resolvi acertar as contas. Eu ia atirar na sua cabeça, mas ele percebeu e saiu correndo; foi quando eu efetuei os disparos que acabaram atingindo João.” Relatou o acusado.

O criminoso acusa o jovem Neguinho de já ter atentado várias vezes contra sua vida e esse seria o motivo para o acerto de contas. Priquitinho disse ainda que não teve intenções de atingir as outras pessoas, nem tão pouco tirar a vida do João Raimundo Pereira, de 47 anos, a quem ele chamou de amigo.


SD Josélúcio e Cap. PM Silva Ferreira responsáveis pela prisão do acusado
O acusado foi preso e conduzido para uma delegacia de região para ser apresentado a autoridade competente. A arma usada no crime foi apreendida.

Veja como foi o crime. Click Aqui

Por Júnior Campos
Postar um comentário