domingo, 17 de fevereiro de 2013

CAIÇARA-PB. PETI ganha novas instalações no município



A prefeitura municipal de Caiçara realizou na tarde deste sábado (16), a entrega das novas instalações do prédio aonde funcionará o Programa do PETI (Programa de Erradicação do Trabalho Infantil).

Localizado à Rua Antenor Navarro, no centro da cidade; o prédio que, no passado funcionou como escola, teve que passar por uma reforma para poder se adequar às necessidades do programa. As novas instalações oferecem melhor condição de trabalho para os profissionais e, garante uma melhor aprendizagem para as crianças, que passam a ter brinquedoteca, espaço para refeitório, espaço para jogos temáticos e todo o material escolar, necessário para o aprendizado. 

Para a Coordenadora do Programa, Professora Josa, a ação do Governo Municipal é motivo para alegria. “Estou muito feliz por poder trabalhar em um espaço amplo que oferece melhores condições, tanto para os oficineiros, monitores e gestores, quanto para os alunos. Vamos produzir muito aqui.” Destacou. 

O Prefeito Cícero (PSB) ressaltou que vendo as condições do prédio onde funcionava o PETI na outra gestão, logo se preocupou em encontrar outro local para que pudesse assim, garantir um melhor desempenho no ensino/aprendizagem das crianças assistidas pelo programa.  “Ao conhecer o prédio em que o PETI funcionava na gestão passada, entendi que não dava para os monitores e as crianças ficarem ali. É muito importante para nós que fazemos este governo, está entregando esta obra já no início da nossa gestão. O prédio onde passa a funcionar o PETI, é bem melhor que o anterior. Com salas arejadas e amplas, além de uma estrutura física e material, bem superior a outra, sei que os alunos vão gostar.” Ressaltou.

Durante o evento de entrega do prédio houve brincadeiras com as crianças e sorteio de brindes.

Oficinas como de pintura, dança e esportes serão oferecidas já no início do programa, além de outras que estão sendo providenciadas. 
 
*O PETI é um Programa do Governo Federal que tem como objetivo retirar as crianças e adolescentes, de 07 a 14 anos, do trabalho considerado perigoso, penoso, insalubre ou degradante, ou seja, aquele trabalho que coloca em risco a saúde e segurança das crianças e adolescentes. (Saiba mais).




Com ASCOM/Caiçara-PB
Postar um comentário