quinta-feira, 22 de novembro de 2012

ARARUNA-PB. Queimada destrói parte da vegetação do parque estadual da pedra da boca



A estiagem prolongada pode ser a principal causa para um incêndio que se estende pelo parque estadual da pedra da boca, em Araruna-PB. De acordo com o voluntário Humberto, cerca de 70% da vegetação do parque já foi atingida e destruída. São plantas e animais que estão morrendo em consequência das chamas.

O corpo de bombeiro do 3º BBM-PB, esteve nesta quarta-feira (21) na tentativa de conter as chamas, mas de acordo com Humberto, não houve êxito. A preocupação é a de que toda a extensão do parque ecológico seja atingida.




"O Parque Estadual da Pedra da Boca, criado pelo Decreto Governamental nº 20.889 de 7 de fevereiro de 2000, está localizado na porção norte do município brasileiro de Araruna, no estado da Paraíba, na divisa com o Rio Grande do Norte. Sua área (157,5 km²)está inserida no bioma da caatinga, onde as configurações geológicas e geomorfológicas são ímpares e atrativas aos estudiosos, ecoturistas e visitantes amantes da natureza e dos esportes radicais.

O parque possui um conjunto rochoso de composição granítica porfirítica, com vestígios de gnaisses e quartzitos, que possuem faces arredondadas e extensas caneluras que vão do cume ao chão. Encontra-se encrustado nos contrafortes da Serra da Araruna e da Serra da Confusão. A denominação "Pedra da Boca" advém da existência de uma formação rochosa de aproximadamente 336 metros de altura, a qual apresenta uma cavidade provocada pela erosão, cuja configuração lembra um sapo gigante prestes a abocanhar algo.

Suas formações são propícias para a prática do rapel e outros esportes e aventura." (Wikipédia)

 
Por Júnior Campos

Postar um comentário